• Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

Governo do MS investe em comissão que atua com produtos perigosos

E-mail Imprimir PDF

Dentro de 30 dias, a Comissão Estadual de Prevenção, Preparação, Resposta Rápida a Emergência de Produtos Químicos e Perigosos (P2R2) de Mato Grosso do Sul providencia o andamento do plano de ação realizado pelo Comitê P2R2 que realizará o mapeamento das áreas de risco de duas principais rodovias do Estado. Nesse período, diversas providências estão sendo tomadas para a execução desse trabalho.

De acordo com o coronel Ociel Ortiz Elias, coordenador estadual de Defesa Civil, que também coordena a comissão da P2R2 no Estado, dentro de um mês o plano de ação deve começar. Umas das ações previstas que foi publicada hoje no Diário Oficial é a compra da camionete picape cabine dupla no valor de R$ 85 mil que irá atender as necessidades do plano de ação nas rodovias. Além de atender o projeto, a camionete reforça a estrutura da comissão na prevenção e rápida emergência de produtos químicos. A camionete que será cedida à Comissão Estadual deve facilitar o andamento do projeto e reestruturar a Comissão, explica o coronel.

O Plano de Ação será realizado através do georeferenciamento das áreas de risco. Essa ferramenta utilizada por empresas privadas e pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) possibilita o levantamento e o controle de todas as cargas perigosas dessas duas principais rodovias do Estado. O governo investiu mais de R$ 300 mil na compra de equipamentos utilizados pela Comissão. Roupas especiais, explosímetro, máquinas, equipamentos de prevenção respiratória são alguns dos materiais que auxiliam em acidentes que envolvem produtos químicos. Esse kit atenderá as situações de emergência principalmente nos municípios de Campo Grande, Coxim, Três Lagoas, Corumbá e Aquidauana.

 Referência

Criada em julho de 2009, a Comissão Estadual de Prevenção, Preparação, Resposta Rápida a Emergência de Produtos Químicos e Perigosos (P2R2) de Mato Grosso do Sul é referência em campos de atuação relacionados ao transporte de produtos químicos. Preparada para atender emergências de acidentes envolvendo produtos químicos, a comissão de P2R2 já participou de capacitações no Estado do Acre e Mato Grosso, além de cursos promovidos pela Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb). São poucos os Estados que instituíram o P2R2. Estamos na frente de vários. Com essa comissão, temos o controle de todas as cargas perigosas transportadas em Mato Grosso do Sul, explica o coronel Ociel.

 Comissão P2R2

Instituída por decreto presidencial que prevê a preparação dos órgãos públicos para prevenir a ocorrência de acidentes com produtos perigosos, a comissão prevê planos e projetos que consistem na prevenção de acidentes com produtos perigosos e, caso eles aconteçam, a comissão atua no pronto atendimento, para conter ou minimizar os riscos ao meio ambiente e à população. A sua estrutura organizacional envolve membros do Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Militar Ambiental, Imasul, Secretaria Estadual de Saúde e um representante da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS).

Fonte: Governo do MS e site JusBrasil.

voltar

 

Login

Busca

banner.jpg

Newsletter